Para quem ama cozinhar ou curte o cheirinho aromático das ervas comestíveis, ter uma horta em casa pode ser um ótimo passatempo. Além de dar um toque decorativo na casa, essas plantinhas podem render pratos espetaculares com o seu cultivo.

Tudo bem, já li seus pensamentos e sei que você mora em apartamento e não tem floreira em casa, mas aí é que vem a boa notícia: Algumas plantinhas precisam de pouquíssimo espaço para se desenvolver, podendo ser plantadas em vasinhos, importando apenas uma boa quantidade de sol por dia.

Para fazer uma horta em casa sem se desanimar, é preciso saber algumas coisinhas:

#1 Escolha as plantas de acordo com a estação do ano e as condições de temperatura e luminosidade que sua casa possui.
De nada adianta ter um vasinho lindo de manjericão na sua janela, se ali bate pouco sol e muito vento. Antes de comprar as suas mudas, pesquise as plantas que terão maiores chances de vigorar na sua casa.

#2 O tamanho do vaso pode influenciar no crescimento na sua planta.
Se você sonha com aquele pé de alecrim bem crescido e volumoso, então terá que optar por um vaso maior e mais profundo para que as raízes possam se desenvolver.
Você pode usar vasinhos pequenos para acompanhar os estágios das plantas. Quando perceber que o vaso está pequeno demais, passe elas para um vaso maior, ou para a terra.

#3 Comece pelo mais fácil. Se você não tem “dedo verde”, ou seja, nunca teve intimidade com planta alguma, comece plantando mudas de boa resistência, como o alecrim, tomilho, orégano que precisam de pouca rega e sol pleno. A hortelã e o manjericão também são fáceis de cuidar, mas esses precisam de mais rega e pelo menos 4 horas de sol por dia.
Alecrim: Em geral, é usado para temperar carnes e legumes. Deve ser plantado em um vaso redondo e fundo, com profundidade de 30 a 40 centímetros. Precisa de ambientes ensolarados.

Hortelã: É usada para temperar pratos salgados, como saladas, peixe e carneiro, mas também para aromatizar sucos e sobremesas. Deve ser plantada em um vaso com terra sempre úmida e precisa ficar em um local com exposição ao sol. A hortelã deve ser plantada sozinha, pois suas raízes podem matar plantas próximas.

Manjericão: Dá um sabor e aroma especiais à comida. É utilizado em molhos, carnes e peixes. Não deve ser plantado em um vaso pequeno, pois pode chegar a 60 centímetros de altura. Precisa ser bem hidratado e ficar em um local em que pegue sol.

Orégano: É amplamente utilizada na cozinha: em pizzas, saladas, molhos, peixes e carnes. Pode ser plantado em recipientes menores, gosta de solo leve, umidade e bastante luz.

Tomilho: Pode ser usado no tempero de peixes ou carnes. Chega a 30 centímetros de altura e pode ser plantado em um vaso pequeno. Precisa de bastante sol.



#4 Não mude os vasos de lugar toda hora.
Se você percebeu que as plantinhas estão vigorosas, sinal de que aquele lugarzinho está ótimo pra elas, então evite trocá-las de lugar. As plantas são muito sensíveis a mudanças e isso pode afetar o seu desenvolvimento.

#5 Não esqueça do adubo
De tempo em tempo é importante dar um up na terra para que a planta continue se desenvolvendo bem. Aqui em casa nós usamos o húmus de minhoca de 2 em 2 / 3 em 3 meses nos nossos vasinhos. Se você tem um compromisso forte com o meio ambiente, pode apostar na compostagem.


Fonte: Blog do Casamento